É Realmente Difícil Ser um Pastor?

Mike Niebauer | February 28, 2016


Como um pastor que muitas vezes ouve outros ministros ensinar e pregar, fico perplexo pelo número de vezes que os pastores fazem alusão a seu trabalho como sendo particularmente difícil. Sim, nós enfrentamos muitos desafios – o ministério pode envolver períodos de grande pressão emocional e espiritual – mas eu não acho que essas dificuldades merecem reconhecimento especial em relação a outras vocações. Afinal, ser um pastor quase não envolve trabalho manual, o que torna o cargo fisicamente mais fácil do que a maioria das outras ocupações na história. Não requer uma jornada semanal de 60 a 80 horas de trabalho, a menos que você, de alguma forma, entenda que trabalhar algumas horas a mais significa ter mais da presença do Espírito Santo. E embora os desafios emocionais e espirituais enfrentados sejam difíceis, professores e assistentes sociais, para citar apenas dois exemplos, enfrentam obstáculos semelhantes ou superiores.


De muitas formas, essa questão reflete uma tendência mais ampla de como os americanos lidam com suas vocações. Nós geralmente derivamos o nosso valor daquilo que fazemos, ao invés de quem somos, de modo que aqueles que fazem mais são mais importantes do que aqueles que fazem menos. Para provar o seu valor…


To read the rest of this article, visit http://www.thegospelcoalition.org/coalicion/article/e-realmente-dificil-ser-um-pastor.