Quatro Princípios Sobre a Morte

Paul Tripp | September 19, 2015


Quatro Princípios Sobre a Morte

Eu moro na Filadélfia, a cidade do amor fraternal. Infelizmente, a Filadélfia não tem uma boa reputação pelo amor aos outros. Nossos fãs de esportes nem sempre nos dão um bom nome, mas eu acho que a nossa taxa de homicídios é bastante convincente.

Até agora, em 2014, o Departamento de Polícia da Filadélfia relatou 179 homicídios; são 179 assassinatos em 265 dias corridos. Na verdade, estamos celebrando esse número, porque é uma queda significativa de anos anteriores. Em 2012, tivemos 254 assassinatos no mesmo período, e em 2007, pudemos ver 299. Senhor venha depressa!

Sempre que leio a notícia de outro assassinato, eu tento pensar nas pessoas afetadas por essa tragédia. Seja ou não a vítima que estava envolvida em atividades ilegais ou um inocente, o filho de alguém, filha, irmão, irmã, marido, esposa, amigo ou vizinho teve a sua vida com um fim abrupto.

O que é ainda mais trágico é que a Filadélfia é apenas uma única cidade e assassinato é apenas uma pequena porcentagem da atividade fatal. Quantas famílias são afetadas diariamente por uma causa diferente de morte, e quantas cidades existem no mundo? A morte é constante, e a morte…


To read the rest of this article, visit http://www.thegospelcoalition.org/coalicion/article/quatro-principios-sobre-a-morte.