JUDAS TRAIU A JESUS COM OS PÉS LIMPOS

Erik Raymond | March 16, 2016


A história de traição de Judas ao Senhor Jesus é tão familiar quanto inquietante. Não há nada pior que ele poderia ter feito em sua vida do que trair a Jesus. Quando Jesus diz que teria sido melhor ele não ter nascido (Marcos 14) começamos a ver a importância da ação. É o ato supremo de maldade trair ou atacar aquele que é o derradeiro bem. A reflexāo sobre toda a série de eventos é totalmente perturbadora.

Uma nota especialmente inquietante da saída de Judas da mesa de Páscoa é o seu timing. Enquanto Jesus desvendava os vários significados cristológicos e escatológicos da refeição da Páscoa, Judas levantou-se e saiu.

No entanto, sabemos que pouco tempo antes, talvez depois da primeira taça de vinho, no início da festa da Páscoa, nosso Senhor lavou os pés de seus discípulos (João 13).

Os discípulos estavam discutindo sobre a sua grandeza enquanto Jesus estava demonstrando sua grandeza. A grandeza sempre serve. Ela veste o avental (Marcos 10.45; 1 Pedro 5.5-6).

Este serviço, este lavar dos pés, incluiu todos os discípulos, até mesmo Judas.

É claro que o Senhor Jesus sabia o que estava a se passar com Judas (João 13.21-30). Ele sabia que…


To read the rest of this article, visit http://www.thegospelcoalition.org/pt/article/judas-traiu-a-jesus-com-os-pes-limpos.