Mães, Não Confiem Em Seus Sentimentos Inconstantes

Gloria Forman | March 15, 2017


Onde moro, no Oriente Médio, pessoas de muitas culturas gostam de comentar sobre como tenho minhas “mãos cheias”. Não é uma figura de linguagem, porque tenho literalmente as “mãos cheias” de quatro filhos, que correm ao meu redor enquanto fazemos nossas tarefas. Sem nenhuma ponta de cinismo, homens e mulheres dirão (enquanto atravesso a rua com as compras e as crianças, como uma ninja): “Você é abençoada!”

Sou grata por lembretes de que meus filhos são bênçãos. Contudo, independente da visão que a cultura tem da maternidade, nós cristãos permanecemos na verdade eterna quando dizemos que a maternidade é uma dádiva.

Lemos na Palavra de Deus que o ser humano é portador da imagem de Deus. Adão e Eva receberam a nobre tarefa de encher a terra com mais “displays” da imagem do único e verdadeiro Rei (Gn 1.26–28). Especialmente agora, depois da queda, percebemos que a vida é um dom da graça, a qual nunca devemos rejeitar ou ter por óbvia. Cada minuto de nossas vidas foi contado por um Deus gracioso que faz todas as coisas adequadamente. 

Deus ordenou todos as nossas fases e momentos maternais “para um tempo como este”, até que o Rei retorne.

Não Está…


To read the rest of this article, visit http://www.thegospelcoalition.org/pt/article/maees-naeo-confiem-em-seus-sentimentos-inconstantes.